NOVIDADES

7.9.17

It A coisa Filme-2017





Um grupo de sete adolescentes de Derry, uma cidade no Maine, formam o auto-intitulado "Losers Club" - o clube dos perdedores. A pacata rotina da cidade é abalada quando crianças começam a desaparecer e tudo o que pode ser encontrado delas são partes de seus corpos. Logo, os integrantes do "Losers Club" acabam ficando face a face com o responsável pelos crimes: o palhaço Pennywise.
Um coisa ninguém discute, It o livro escrito por Stephen King é uma obra prima do horror, o livro tem aventura, humor, drama, violencia e muito terror, mas se trata essencialmente sobre crianças desajustadas tendo de enfrentar seus medos em relação a vida.  Transpor todas essas nuances para um filme ou uma minissérie como foi o caso da adaptação de 1990 requer não só levar o terror e as camadas mais básicas da obra, mas se aprofundar na construção de personagens bem como recriar os contextos em que eles estão inseridos, mas o diretor espanhol  Andy Muschietti se saiu muito bem nessa questão, a maioria dos personagens estão muito bem desenvolvidos e existem boas doses de drama, aventura, humor e medo, muito medo. 

Mesmo existindo muita auto referencia de outros filmes baseados na obra de Stephen King, como Conta Comigo de 1986, Louca Obsessão de 1990 e Um Sonho de Liberdade de 1994, o filme tem seus próprios méritos, é uma direção sensível e meticulosa, a câmera sabe percorrer todos os aspectos da Mise en scène tornando a experiência do espectador o mais real possível, as cenas de terror são criativas e muito bem elaboradas, ora explicitas ora subjetivas, há um bom equilíbrio e dinamismo nessa questão. O elenco das crianças é um outro acerto do longa, existe uma boa química entre todos os membros do "Losers Club", essa dinâmica entre amigos é muito forte na maioria das obras de King e aqui essa dinâmica é bem explorada pelo roteiro, eles parecem unidos tanto no drama, quanto no humor e ainda mais no terror. O palhaço  Pennywise vivido aqui por Bill Skarsgård tem seus problemas, mas o bom roteiro e uma direção bem executada não permitiram que tudo se perdesse, a falta de presença do ator é compensada por uma boa fisicalidade.   



 It A Coisa foi feito para os fãs do livro, existem muitos acertos e algumas liberdades que podem e devem ser perdoadas, literatura e o cinema possuem dinâmicas parecidas, mas sob muitos aspectos elas se distanciam e em muitos casos liberdades devem ser respeitadas, e o roteiro aqui é muito bem construído para a dinâmica cinematográfica.  

 It A Coisa possui um forte senso de nostalgia, e diga-se de passagem isto está muito em moda hoje em dia com tantos remakes e series evocativas como Glow, Strager Things e etc, mas aqui o saudosismo é quase uma auto referencia da obra de Stephen King. Hollywood sabe como mexer com nossos sentimentos e nossos apegos pelo passado. Excelente filme.  


ESPALHA PROZAMIGO:

QUEM ESCREVEU:
\

Post a Comment

 
Back To Top
Copyright © 2014 Armada de Escritores. Designed by OddThemes