NOVIDADES

4.8.17

Planeta dos Macacos: A Guerra-Filme 2017



Humanos e macacos cruzam os caminhos novamente. César (Andy Serkis) e seu grupo são forçados a entrar em uma guerra contra um exército de soldados liderados por um impiedoso coronel (Woody Harrelson). Depois que vários macacos perdem suas vidas no conflito e outros são capturados, César luta contra seus instintos e parte em busca de vingança. Dessa jornada, o futuro do planeta poderá estar em jogo.

O fim da saga do Rei Cesar não poderia ter um desfecho mais épico e apocalíptico do que o mostrado em Planeta dos Macacos: A Guerra, inspirado no clássico de 1967 O Planeta dos Macacos que por sua vez foi adaptado do romance La planète des singes escrito pelo francês Pierre Boulle em 1963, toda a nova saga mostra a trajetória do macaco Cesar, desde sua origem num laboratório em Planeta dos Macacos A Origem de 2011, passando por sua ascensão como líder dos símios em Planeta dos Macacos: O Confronto de 2014 até o seu inevitável confronto final pela sobrevivência de sua espécie, temos aqui um dos melhores arcos escrito para um personagem dos últimos tempos, o Cesar mostrado no novo filme está longe se ser um líder perfeito, ele sofre de duvidas cruéis e carrega o peso de ser o responsável pela continuidade de sua espécie, isso pode ser constatado pela excepcional tecnologia de captação de expressões de atores e claro da atuação magistral de Andy Serkis, mas o filme vai bem mais além de um excelente elenco de apoio  e extraordinários efeitos especiais, o diretor  Matt Reeves injeta em sua direção, vários elementos de outros gêneros, mas sem nunca perder o foco narrativo, apesar de ter guerra em seu titulo, o filme não é exatamente sobre o conflito em si, mas sobre a inevitabilidade de um confronto final, e nisso o filme se sai muito bem, há um clima lúgubre e extremamente pessimista em todo o desenrolar da história. 

Planeta dos Macacos: A Guerra é em seu âmago um autentico filme de guerra, pois ele consegue se aprofundar nos dilemas de seus personagens antagônicos sem o velho recurso do bem e do mal, você entende todas as motivações tanto do Cesar como de seu opositor interpretado brilhantemente por Woody Harrelson, há um bom equilíbrio em termos de oposição aqui, tornando o resultado do conflito entre os dois totalmente imprevisível , apesar de em alguns momentos você se descobre torcendo pelo lado dos símios  e isso faz de Planeta dos Macacos: a Guerra ser extremamente sombrio e niilista, apesar de em alguns momentos existir um certo lirismo em suas imagens. 

Planeta dos Macacos: A Guerra é o melhor da trilogia e tem em Cesar um dos melhores trabalhos de evolução de personagens dos últimos tempos, é um filme pessimista e extremamente sombrio, mas é essencialmente revelador e relevante como obra cinematográfica, mesmo em se tratando de um filme de ação. Excelente.    


ESPALHA PROZAMIGO:

QUEM ESCREVEU:
\

Post a Comment

 
Back To Top
Copyright © 2014 Armada de Escritores. Designed by OddThemes