NOVIDADES

27.1.17


Resenha Hell House (Richard Matheson)

Um certo Sr. Deutsch, um velho milionário muito próximo da morte, resolve comprar a Mansão Belasco, que dizem ser o Monte Everest das casas mal-assombradas por quase ninguém conseguir sobreviver a uma estadia. Deutsch, querendo tranquilizar sua mente devido ao medo do desconhecido, resolve mandar três pessoas para passarem uma semana na mansão, de forma a provar a existência ou não de vida após a morte. Para isso, convoca, o Dr. Barrett, homem da ciência, cético, que tentará provar que não existem espíritos rondando o lugar; Florence Tanner, uma médium espiritualista; e Benjamim Franklyn Fischer, única pessoa que conseguiu sair viva da casa, após uma expedição ocorrida há mais de 30 anos. Os três, que receberão 100 mil dólares pelo serviço, mais Edith, esposa do Sr. Barrett, partem para a casa em busca das respostas que o milionário quer.

A história, apesar de parecer clichê, segue a mesma linha de tantas outras sobre o assunto, uma casa abandonada, com um passado trágico de seus antigos ocupantes, espíritos revoltados e vingativos que querem a todo custo vingar-se ou simplesmente praticar o mal, sim essa história tem tudo isso, mas uma coisa que a diferencia das outras, o autor que foi ninguém menos que o autor de Eu sou a Lenda que virou um terrível filme estrelado por Will Smith, mas fora isso a história consegue criar uma sensação de claustrofobia desde o primeiro momento em que os participantes entram na casa e há também o embate entre a ciência e os fenômenos que a mesma relega ao território da paraciência.

Vale também ressaltar a descrição do cenário com riqueza de detalhes, que na minha opinião, em histórias de terror é essencial essa descrição, faz com que o leitor se sinta na casa como um dos participantes e sinta toda a tensão e medo do desconhecido e assim não consiga parar de ler até concluir o capítulo ou, no meu caso, o livro todo.

Os personagens também, todos muito bem construídos com suas características próprias e reações diferentes a cada fenômeno que a casa oferece a eles.

Enfim Hell House, apesar de ser uma de muitas histórias de casas assombradas, faz jus ao seu nome e faz com que o leitor, se não for um fã do gênero, leia mesmo que apenas por diversão.Dentre as histórias que li dou 3,9 estrelas e no quesito terror 4,2 pela tensão e sensação de claustrofobia que a história proporciona.

ESPALHA PROZAMIGO:

QUEM ESCREVEU:
\

Post a Comment

 
Back To Top
Copyright © 2014 Armada de Escritores. Designed by OddThemes