NOVIDADES

4.1.17

EU SOU O MENSAGEIRO - MARKUS ZUSAK



A história de Ed, um sujeito fracassado que costuma jogar cartas com seus amigos fracassados, começa em um assalto no banco, sendo que o assaltante é um mané. Sim, Ed é um azarado! Mas por conta do destino, azar ou sorte, em um surto de coragem ele consegue impedir o assalto e sua vida frustrante começa a tomar outro rumo.


“Ed Kennedy. Dezenove anos. Um perdedor.

Seu emprego: taxista. Sua filiação: um pai morto pela birita e uma mãe amarga, ranzinza. 
Sua companhia constante: um cachorro fedorento e um punhado de amigos fracassados.
Sua missão; algo de muito importante, com o potencial de mudar algumas vidas. Por quê? Determinado por quem? Isso nem ele sabe.

Markus Zusak, autor do best-seller A Menina que Roubava Livros, nos fornece essas respostas bem aos poucos neste incomum romance de suspense, escrito antes do seu maior sucesso. O que se sabe é que Ed, um dia, teve a coragem de impedir um assalto ao banco. E que, um pouco depois disso, começou a receber cartas anônimas. O conteúdo: invariavelmente, uma carta de baralho, um ou mais endereços e... só. Fazer o que nesses lugares? Procurar quem? Isso ele só saberá se for. Se tentar descobrir, E, com o misto de destemor e resignação dos mais clássicos anti-heróis, daqueles que sabem não ter mesmo nada a perder nesse mundo, é o que ele faz.

Ed conhecerá novas pessoas nessa jornada. Conhecerá melhor algumas pessoas nem tão novas assim. Mas, acima de tudo, a sua missão é de autoconhecimento. Ao final dela, ele entenderá melhor seu potencial no mundo e em que consiste ser um mensageiro.”

Eu Sou O Mensageiro tem uma escrita impecável, divertida e ao mesmo tempo, reflexiva. De uma maneira incomum, através das missões de Ed, o livro nos faz pensar em nós mesmos e no mundo que está em nossa volta, nos problemas que nos cercam e que nem notamos. A narrativa de linguagem jovial e descontraída nos aproxima facilmente do protagonista que, mesmo sem entender direito o que está acontecendo em sua vida, decide arriscar-se em busca de sua verdadeira missão: encontrar-se.

A obra ― que só por título de informação: está na minha lista de livros preferidos há tempos ― é cheia de lindas passagens e nos deixa mais envolvidos a cada capítulo. E para completar, além da história maravilhosa, a diagramação de Eu Sou O Mensageiro é admirável, perfeita.

Os capítulos nomeados conforme as cartas do baralho dão um toque todo especial. Indubitavelmente, vale a pena ler.

“Talvez todos possam superar seus próprios limites de capacidade.”

BOA LEITURA E ATÉ A PRÓXIMA!

Gostou? Tem sugestões? Quer ficar informado sobre as próximas postagens?
Então siga-me nas redes sociais:
Facebook: Alana Mart
Insta: @Alanakarla54
E não deixe de nos acompanhar em nossa página oficial:



ESPALHA PROZAMIGO:

QUEM ESCREVEU:
\

Post a Comment

 
Back To Top
Copyright © 2014 Armada de Escritores. Designed by OddThemes