NOVIDADES

1.11.16

RESENHA - SIMON VS A AGENDA HOMO SAPIENS

Simon vs. a Agenda Homo Sapiens - Becky Albertalli
Editora: Intrínseca
Sinopse: Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da escola, descobre uma troca de e-mails entre Simon e um garoto misterioso que se identifica como Blue e que a cada dia faz o coração de Simon bater mais forte.
Martin começa a chantageá-lo, e, se Simon não ceder, seu segredo cairá na boca de todos. Pior: sua relação com Blue poderá chegar ao fim, antes mesmo de começar.



Todo mundo devia ter que declarar o que é. Devia ser uma coisa bem constrangedora, não importa se você é hétero, bi ou sei lá o quê.

 Ninguém sabe que Simon é gay. Ninguém, é claro, a não ser Blue, o garoto com quem ele troca e-mails há algum tempo, que também é gay. A questão é que, para Simon - ou Jacques, como ele se chama nos e-mails -, o fato de um não saber quem é o outro torna tudo muito diferente, como se não pudessem ser atingidos. Ele pode ser quem quiser, porque não tem expectativas a ser quebradas. 
 Toda a sua vida começa a virar de cabeça para baixo quando Martin, um colega do teatro, acha uma dessas conversas, e começa a chantagear o protagonista, pedindo-lhe que consiga fazer com que sua amiga Abby, a garota mais popular da sua sala, saia com ele. Ele então entra em um grande dilema, sem saber como fazer para resolvê-lo. Vemos, a partir daí, o desenrolar de tudo o que acontece na vida de Simon, que é responsável por muitas mudanças, a maioria delas boas.
 Além de ter que lidar com as questões de sua sexualidade, ele precisa conviver todos os dias com o fato de que seus dois melhores amigos, Nick e Leah, e Abby estão formando um triângulo amoroso. A questão é que Leah é apaixonada por Nick, que por sua vez é apaixonado por Abby, que não explicita o que quer com o garoto, deixando a situação muitas vezes tensa. 
 Em meio a todos os acontecimentos, Simon percebe que está se apaixonando por Blue, e que não faz a mínima ideia de quem ele seja - será que ele é  Cal Price, o outro garoto do teatro? Ele espera que sim, mas não tem como saber ainda. O fato do garoto não querer passar seu número ou dizer quem é dificulta muito a situação, mas, mesmo assim,, Simon está disposto a passar por isso.
 O livro é uma história incrível, não sobre ser gay, mas sobre se apaixonar, ser amigo e, principalmente, ser um adolescente; mesmo que a sexualidade do personagem seja a origem de todos os acontecimentos, eu vejo mais como um detalhe para esse maravilhoso romance que se desenvolve com o decorrer das páginas. 

Nota: 4,5/5,0

Minhas redes sociais: Instagram
                                    Twitter
                                    Skoob

ESPALHA PROZAMIGO:

QUEM ESCREVEU:
\

Post a Comment

 
Back To Top
Copyright © 2014 Armada de Escritores. Designed by OddThemes