NOVIDADES

7.11.16

Resenha: Dias de sangue e estrelas




Dando sequência a maravilhosa história de feita de fumaça e osso, Dias de sangue e estrelas irá surpreender ainda mais seus leitores, uma reviravolta na história, e talvez o fim do romance entre Karou e Akiva.

Sinopse: Karou, uma estudante de artes plásticas e aprendiz de um monstro, por fim encontrou as respostas que sempre buscou. Agora ela sabe quem é - e o que é. Mas, com isso, também descobriu algo que, se fosse possível, ela faria de tudo para mudar: tempos atrás Karou se apaixonou pelo inimigo, que a traiu, e por sua culpa o mundo inteiro foi punido. Na deslumbrante sequência de Feita de fumaça e osso, ela terá que decidir até onde está disposta a ir para vingar seu povo. Dias de sangue e estrelas mostra Karou e Akiva em lados opostos de uma guerra ancestral. Enquanto os quimeras, com a ajuda da garota de cabelo azul, criam um exército de monstros em uma terra distante e desértica, Akiva trava outro tipo de batalha: uma batalha por redenção... por esperança. Mas restará alguma esperança no mundo destruído pelos dois? 

A trama: Calma amigos, não é o fim do romance entre Karou e Akiva, mas neste exemplar Laini foca em contar toda história de ambos os lados, sendo eles entregue a fundo, tanto o lado dos anjos quanto os dos quimeras. A protagonista Karou toma a decisão de viver com os da sua espécie e passa a ter o papel de criar novos quimeras e assim formar um exército que possa sobreviver e talvez derrotar os anjos, sendo assim a autora foca mais na guerra em si do que no romance dos dois personagens, mas isso não deixa o livro menos atrativo, muito pelo contrário, o deixa ainda mais interessante pois ela faz seu leitor mergulhar em um mundo totalmente diferente do imaginado, e dessa vez é apresentado o mundo dos anjos. Assim como no outro livro o começo da narrativa é bem devagar, porém à medida que mergulhamos na história ele se desenvolve absurdamente envolvente e em ritmo frenético, conhecer mais do mundo dos anjos, da guerra e de seus personagens, traz consigo a melancolia das batalhas e subsequente a melancolia do romance de Karou e Akiva.





Lado bom: A autora realmente consegue se superar, ela mantém um nível altíssimo de sua escrita e transporta seu leitor à um mundo novo em cenas mais densas e porque não dizer mais brutas, transpassando o ponto emocional e o físico em diversos momentos.

Lado ruim: Não sei dizer se existe um lado ruim, na minha humilde opinião, essa sequência é indiscutivelmente melhor que seu antecessor, mas pode haver as pessoas que estavam presas ao romance entre Karou e Akiva, e esse não é o foco da autora neste livro, então algumas pessoas podem se decepcionar.



 Conclusão: Como dito antes, um livro que deixa um pouco de lado o romance entre seus personagens principais para apresentar suas histórias individuais e a de cada grupo ao qual cada um pertencia, enriquecendo muito mais a trama e deixando o leitor completamente envolto nos novos cenários e dramas pessoais de cada um em busca por redenção.


          Uma boa leitura a todos





ESPALHA PROZAMIGO:

QUEM ESCREVEU:
\

Post a Comment

 
Back To Top
Copyright © 2014 Armada de Escritores. Designed by OddThemes