NOVIDADES

23.9.16


Resenha O Restaurante no Fim do Universo

Nessa parte da história os tripulantes da nave Coração de Ouro estão sendo atacados por uma nave Vogon enquanto estavam saindo do Planeta Magrathea e após uma sessão espírita em que Zaphod evoca seu bisavô, eles acabam no Restaurante no Fim do Universo.
“O que você pretende fazer quando chegar ao Restaurante do Fim do Universo? Devorar o suculento bife de um boi que se oferece como jantar e prometa se matar com humanidade ou apenas se embriagar com a poderosa Dinamite Pangaláctica, assistindo de camarote ao momento em que tudo se acaba numa explosão fatal?”
Algumas pessoas acharam este segundo livro um pouco massante, com a leitura mais arrastada, porém eu garanto, é apenas em algumas partes do livro, mas que não o desabona completamente, Douglas Adams continua nos brindando com seu humor tipicamente britânico e bem sarcástico, recheado de críticas. Das diversas críticas podemos encontrar uma, que ao meu ver é genial, há um homem, um homem que rege o Universo, porém esse homem é cético acima de qualquer interferência religiosa, ele duvida da própria existência da realidade, outro ponto importante é o Vórtice de Perspectiva Total, uma nova maneira de se viajar pelo espaço e pelo tempo, o que causa muitas e divertidas confusões como por exemplo quando Artur Dent se encontra com uma nave cheia de pessoas dormindo vindas de um planeta chamado Golgafrincham, essas pessoas, consideradas em seu planeta natal "inúteis", são a verdadeira origem da raça humana, as "pessoas inúteis" é mais uma crítica de Adams sobre nossa sociedade onde existem algumas profissões que ao mesmo tempo são vistas como essenciais mas são desprezadas pela maioria de nós.
Neste segundo livro Douglas Adams conseguiu mais uma vez escrever uma obra única que diverte e nos faz pensar um pouco mais, principalmente sobre a teoria:“Há uma teoria que diz que se um dia alguém descobrir exatamente qual é o propósito do Universo e por que ele está aqui, ele desaparecerá instantaneamente e será substituído por algo ainda mais bizarro e inexplicável. Há uma outra teoria que diz que isso já aconteceu.”
Então divirta-se no Restaurante no Fim do Universo, enquanto degusta sua Dinamite Pangaláctica ou devora um suculento bife, e assiste ao Fim do Universo em uma grandiosa explosão.

ESPALHA PROZAMIGO:

QUEM ESCREVEU:
\

Post a Comment

 
Back To Top
Copyright © 2014 Armada de Escritores. Designed by OddThemes