NOVIDADES

26.9.16

A profecia celestina


A profecia celestina foi um best-seller do autor James Redfield que teve seu primeiro lançamento em 1993. O livro convida o público para uma aventura espiritual emocionante e consequentemente bem assimilada por todos, tanto que o livro virou filme em 2006.
Um livro que traz consigo a busca por nove manuscritos que haviam sido descobertos no Peru datados por volta de v a.c. que continham grandes ensinamentos para a evolução de toda humanidade. A igreja estava em uma represaria tentando eliminar de todas as formas estes manuscritos, querendo impedir que sua existência viesse a se tornar pública, afinal ela não queria perder seu cargo de única regente da proximidade do homem com Deus.

Dessa forma o personagem entra em uma grande aventura, onde ele não apenas parte para uma busca espiritual, na qual ele redescobre a sua forma de pensar sobre Deus e o mundo, mas também tem que correr dos perigos da igreja que estão dispostos a matar todos que ousarem ler ou divulgar os pergaminhos.


O primeiro pergaminho trata da visão cotidiana das pessoas, que em meio ao dia a dia o universo conspira a nosso favor fazendo acontecer “coincidências” que nos levam a um único caminho, que seria a transcendência deste mundo.
O segundo trata de como nos acomodamos no mundo com nossas tecnologias e tentamos dominar a natureza para que nos sentíssemos seguros, porém uma nova era se inicia, e a consciência do sobrenatural e do espiritual tomara conta de todos.
O terceiro pergaminho revela que passamos a ter uma consciência da energia mística do universo, que aprenderemos a trabalhar como um só.
O quarto já nos alerta que quando perdemos essa conexão, temos a tendência a chamar a atenção ou entrar em uma disputa por poder, indo caminho contrário a ligação primária ao universo e a todos.
O quinto pergaminho já nos convida a manifestarmos a energia existente em nós a ponto de nos conectarmos com o universo ou com algo divino, tornando assim essa experiência mística, separando-a da intelectualidade colocada no dia a dia.
O sexto mostra a sequência de quando conseguimos alcançar este estado vemos todos os erros que cometemos no passado, dos momentos em que não tínhamos o conhecimento dessa energia místicas e agíamos de forma errada, até mesmo para com o próximo.
O sétimo nos esclarece que todas as coincidências que a vida nos oferece era para nos mostrar um caminho, seja elas fossem em sonho, devaneios e até mesmo pensamentos intuitivos que deveríamos ter seguido desde o início.
O oitavo nos ensina a respeito da ética inclusive mística para com nossas vidas partindo desde o tratamento com o próximo a passar por nossas crianças e tudo mais, e que na medida que mais pessoas vão tomando essa consciência o mundo tende a caminhar par o lugar certo.

O nono manuscrito nos revela que no momento em que passarmos a praticar todos os oito ensinamentos e estes se propagarem pelo mundo, todos alcançarão um único estado consciente e tudo que nós conhecemos desaparecera e viveremos em uma nova era, uma era dos sonhos.



   Uma boa leitura a todos  
                                

ESPALHA PROZAMIGO:

QUEM ESCREVEU:
\

Post a Comment

 
Back To Top
Copyright © 2014 Armada de Escritores. Designed by OddThemes