NOVIDADES

14.7.16

Ponto e Vírgula, Dois Pontos.



Ponto e Vírgula. Dois pontos.

Ponto e Vírgula:

Não há uma função definida para o ponto e vírgula, a não ser como moderador numa frase.
É utilizado quando se quer separar de forma moderada uma frase que já contém vírgula ou dois pontos (:).

Exemplo:

Leiam grátis o livro: “Quem matou dona Izaura?” e leiam de brinde o conto; “A casa de Helena”.
Reparem que ao utilizar os dois pontos, logo em seguida usa-se o ponto e vírgula. Não se utiliza o dois pontos seguidos e nem dois pontos e vírgulas seguidos. Após a utilização de dois pontos, usa-se o ponto e vírgula.

Também pode ser utilizado para substituir a vírgula, dando assim uma pausa mais comprida, bem semelhante aos três pontinhos, melhor dizendo, reticências.

Exemplo:

a-) Vamos parar para pensar um pouco; será verdade ou não?
b-) Que venham todos de uma só vez; estarei aqui esperando.


Dois Pontos:

Dois pontos, (:), é um dos sinais que se usa para se organizar um texto, quando se quer enumerar, dar uma notícia ou explicação.
Exemplos:
Tenho dois empregos: Vigilante e porteiro de prédio.
Quando há expressões seguidas de verbos:  dizer, fazer, e etc.

Fizeram dois bolos: um de chocolate e outro de morango.
Ao dar uma explicação, de algum ato ou consequencia.
O doador foi muito mais que cidadão: Foi um herói.

ESPALHA PROZAMIGO:

QUEM ESCREVEU:
\

Post a Comment

 
Back To Top
Copyright © 2014 Armada de Escritores. Designed by OddThemes