NOVIDADES

8.6.16

Vampiros

 Engana-se quem pensa que essa onda de vampiros é coisa nova. Que nada! Reza a lenda de que o primeiro vampiro foi Caim - sim! Aquele do Antigo Testamento que matou o irmão. - Dizem que como castigo ele recebeu a maldição. Tem também os que dizem que depois que Judas se suicidou virou o primeiro vampiro. Lendas vão, lendas vem, mas o fato é que no século XV foram enterrados centenas (!!!) de corpos com uma estaca de ferro cravada em seu peito. Isso causou grande alarde em arqueólogos modernos, não muito tempo atrás.

 Outra fato incrível é que não foi uma coisa de uma cultura só. Da Europa Ocidental para Europa Oriental, Grécia e muitos outros tem lendas dessas criaturas que causam fascinação como poucas conseguem. Claro que cada um desses lugares tem suas versões de como o morcegos-humanos vivem, alimentam-se e comportam-se. Temos um exemplo incrível disso em nossa literatura. Olhe só: Em Drácula, somos apresentados a um rico homem que bebe sangue humano e deixa rastros de terror por onde passa. A versão irlandesa é até hoje a história de vampiros mais famosa. E Diários do Vampiro? L.J Smith trás dois irmãos lindos, sociáveis e até românticos (Quando querem, né Damon?) e que podem sobreviver tanto de sangue humano quanto animal. Semelhanças com Crepúsculo? Aham. Na saga que virou um fenômeno mundial, Meyer nos traz vampiros com uma consciência. Em Irmandade da Adaga Negra, as criaturas tomam um novo rumo: Só bebem sangue da própria raça e não podem ser transformados. Ou você nasce vampiro, ou não.

Independentemente de como você quer que os vampiros sejam em sua história, aí vai um montão de informações pra te ajudar. Reflita sobre a informações e analise bem o que deseja fazer. Lembre-se que nada faz sucesso como a originalidade. Boa sorte!

O QUE SÃO?

Em base, são criaturas que se alimentam de sangue. Geralmente humano, pode também ser animal ou até de outros vampiros. Podem ser transformados ou nascidos. São imortais e na maioria das vezes são descritos tendo o sol como inimigo.


E SUAS CARACTERÍSTICAS?

- Caninos grandes e pontudos. Podendo ou não serem retraídos quando estimulados por sangue.
- Pele fria e pálida. Bem, em tese eles estão mortos. nada mais natural que do que parecerem meio off. Em algumas histórias eles parecem mais vivos e corados quando alimentados.
- Em Crepúsculo, eles brilham. Em The Vampire Diaries, ele queimam. A história é que quando expostos ao sol algo ruim acontece.
- Algumas lendas também afirmam olhos vermelhos, ou veias saltando abaixo dos olhos quando estimulados por sangue.

ELES TEM PODERES?

- Força. Na maioria das histórias quanto mais velho é o vampiro, mais forte ele é.
- Velocidade. Os olhos humanos não captam nem um borrão quando um vampiro passa.
- Sentidos aumentados. Podem ouvir mais, ver mais longe, sentir cheiros a quilômetros de distância, o gosto - especialmente de sangue - é mais intenso, e são mais sensíveis a texturas.
- Hipnose. Alguns podem hipnotizar humanos e até sua própria espécie. Pode ser bem útil para fazer um humano esquecer completamente que a criatura um dia alimentou-se dele.
- Metamorfose. O mais comum são transformações em morcegos e corvos. mas juro que já vi transformarem-se em dragão.

E FRAQUEZAS?

- Madeira.
- Prata.
- Fogo.
- Sol
- Crucifixos.
- Água benta.
- Alho.
- Verbena.
- Ás vezes a própria imortalidade os deixa loucos.
- Lobisomens.
 Mas eles são papo pra outro post! Espero que tenham gostado e que tenha sido útil. Boa escrita!



ESPALHA PROZAMIGO:

QUEM ESCREVEU:
\

Post a Comment

 
Back To Top
Copyright © 2014 Armada de Escritores. Designed by OddThemes